segunda-feira, 5 de setembro de 2011

Versões #9


Depois de uma incursão pelo rock'n'roll, voltamos ao blues. Iremos à raiz da questão: St. Louis Blues, composta por W.C. Handy em 1914. Essa canção é considerada o primeiro blues "lapidado" após séculos de fusões entre escolas musicais diferentes. Por isso, também, Handy é tido como o "Pai do blues".

A primeira gravação data 1918 - um ano após o primeiro registro de jazz da história, pela Original Dixieland Jazz Band - e é creditada ao cantor Al Bernard. Seria regravada por grandes nomes em diversos estilos e ritmos, mas o mais importante é notar que St. Louis blues está na raiz da tradição americana. A prova disso, abaixo.


After a raid by rock'n'roll, back to the blues. We will go to the root of the matter: St. Louis Blues, composed by WC Handy in 1914. This song is considered the first blues "stoned" after centuries of mergers between different musical schools. So, too, Handy is regarded as the "Father of the modern Blues."

The first recording date 1918 - a year after the first record of the history of jazz, the Original Dixieland Jazz Band - and is credited to singer Al Bernard. It would be rewritten by big names in many styles and rhythms, but the most important is to note that St. Louis blues is at the root of the American tradition. The proof below.



W. C. Handy

video


Bessie Smith

video


Louis Armstrong

video


The Hall Johnson Choir

video


Glenn Miller

video


Dave Brubeck

video


Wynton Marsalis

video


Que seleção!

Nenhum comentário: